PROFISSIONAIS INSCRITOS ATIVOS
     

ESTABELECIMENTOS REGISTRADOS

Revista do Farmacêutico

PUBLICAÇÃO DO CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DE SÃO PAULO
Nº 126 - MAI - JUN - JUL / 2016

ESPAÇO ÂMBITO FARMACÊUTICO

 

Em novo formato, proposta é sucesso em 4 eventos simultâneos

 

espaco-ambito05Proposta inovadora do CRF-SP para a realização de discussões de temas de interesse de diversas áreas da profissão, o Espaço Âmbito Farmacêutico reuniu os segmentos de Análises Clínicas, Farmácia Clínica, Acupuntura, Indústria e Farmácia Estética em um novo formato, promovendo quatro eventos simultâneos e distintos em um único local. 

Os encontros reuniram cerca de 300 pessoas no Novotel Jaraguá, na capital, no dia 18 de junho. O objetivo da iniciativa é integrar as áreas, assim como valorizar o trabalho das Comissões Assessoras que se empenham nas discussões voltadas ao fortalecimento da profissão em cada segmento e são abertas à participação dos profissionais. 

Veja como foram os eventos do Espaço Âmbito Farmacêutico:

 

espaco-ambito01

I FÓRUM DE ANÁLISES CLÍNICAS E FARMÁCIA CLÍNICA

Com o objetivo de integrar duas áreas em um encontro único, o I Fórum de Análises Clínicas e Farmácia Clínica reuniu profissionais de referência nos segmentos para promover um debate que enfatizasse a prática clínica do farmacêutico. Foram abordados desde princípios básicos de exames laboratoriais até contextos mais complexos de monitorização de fármacos, observando sua toxicidade e efetividade terapêutica. Na avaliação do  coordenador da Comissão Assessora de Análises Clínicas e Toxicológicas do CRF-SP, dr. Paulo Caleb Jr, o evento foi rico e importante para a área de práticas clínicas. Já a coordenadora da Comissão Assessora de Farmácia Clínica, dra. Lívia Maria Barbosa, avaliou que foi uma oportunidade de unir duas áreas que se complementam. “As aulas foram voltadas para a prática e ajudarão os profissionais no dia a dia.” 

 

espaco-ambito02

I SIMPÓSIO DE FARMÁCIA ESTÉTICA

O simpósio inédito reuniu especialistas na área estética, regulamentada recentemente pelo Conselho Federal de Farmácia (CFF) pelas resoluções 573/13 e 616/15. Trata-se de atividade que aparece como importante oportunidade para farmacêuticos.  

A palestrante dra. Agni Del Sol apresentou as técnicas de alguns procedimentos estéticos e suas indicações. A farmacêutica dra. Natália Fonseca mostrou aos participantes os recursos tecnológicos que podem ser utilizados para tratamento de calvície, melasma, rugas, gordura localizada, estrias e espinhas. Já o dr. Rafael de Castro Ferreira, membro da Comissão Assessora de Farmácia Estética do CRF-SP, falou sobre procedimentos invasivos não-cirúrgicos.

 

espaco-ambito03

V SEMINÁRIO DE ACUPUNTURA

O encontro de farmacêuticos acupunturistas foi marcado pela ampla diversidade de técnicas apresentadas, além da fitoacupuntura e bioenergética.

Uma das palestrantes, dra. Viviane Bergamo Morgero, destacou a necessidade de conhecimento em determinadas áreas para a prescrição na Medicina Tradicional Chinesa. A dra. Elis Regina Santos falou sobre a acupuntura estética como mais uma área de atuação ao farmacêutico. Entre as técnicas apresentadas, estão: acupuntura sistêmica, laseracupuntura, eletroacupuntura, magneto acupuntura, ventosa e moxabustão, guashá, fitoterapia e cosmeto chinesa.

Dr. José Ricardo Domingues enfatizou o quanto é necessário conhecer sobre os hábitos de vida e alimentação do paciente antes de qualquer tratamento. Dra. Mara Lucia Tambarucci também ressalta essa questão. “A minha opção por acupuntura estética é proporcionar às pessoas uma melhor qualidade de vida, trazendo a beleza na forma de bem-estar e equilíbrio saudável. Recuperar a autoestima traz um conforto emocional enorme para o paciente, resultando em benefício direto na saúde”.

 

espaco-ambito04

WORKSHOP TÉCNICO QUALITY BY DESIGN E PAT

Os profissionais da área da indústria farmacêutica debateram um dos temas mais requisitados por farmacêuticos do segmento. Segundo o coordenador da Comissão Assessora de Indústria do CRF-SP, dr. Edson Rollemberg Albuquerque Jr, o workshop foi muito bem avaliado e teve umas das maiores audiências em eventos organizados pela Comissão. 

Um dos palestrantes, o engenheiro português MsC. João Espiga Machado, apresentou o software iRISK como ferramenta de gestão de risco. Para ele, a boa audiência indica que há um interesse por parte da indústria brasileira em integrar-se às temáticas do quality by design no seu dia a dia. “Vejo que há um empenho em alinhar-se com a indústria internacional”, comentou.

Já o outro palestrante do encontro, o engenheiro MsC. Anderson Flores, destacou temas como Introdução aos conceitos de QbD e Process Analitycal Technologies (PAT) como ferramentas de desenvolvimento de produtos e otimização de processos. “As pessoas estão motivadas a pensar em qualidade, produtividade e, principalmente, na segurança do paciente”, completou. 

 

Por Carlos Nascimento 

(com informações de Thais Noronha)

 

 

 

 

     

     

    farmacêutico especialista