Comitê Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos - 7/10/2009

No dia 29 de setembro, em Brasília, a CONBRAFITO (Conselho Brasileiro de Fitoterapia) participou da primeira reunião do Comitê Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos, criado em dezembro de 2008, quando foi aprovado, por meio de portaria interministerial, o Programa Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos (PNPMF).

Fenilalanina - 7/10/2009

Aminoácido presente em fontes de proteínas animais e vegetais, a fenilalanina pode ser perigosa se consumida por indivíduos com rejeição à substânciaAminoácido presente em fontes de proteínas animais e vegetais, a fenilalanina pode ser perigosa se consumida por indivíduos com rejeição à substânciaMedicamentos e outros produtos que contêm a substância deverão ter advertência no rótulo

  

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado aprovou na última terça-feira, 6 de outubro, o substitutivo de autoria do senador Papaléo Paes (PSDB-AP) ao Projeto de Lei na Câmara (PLC) 107/08, que dispõe sobre a obrigatoriedade de advertência nos rótulos ou embalagens de alimentos, bebidas e medicamentos sobre a presença de fenilalanina ou outras substâncias contraindicadas a portadores de deficiências do metabolismo e outras doenças específicas. A proposta ainda deverá ser analisada em Plenário.

III Seminário de Fitoterapia reúne especialistas do setor - 6/10/2009

Contribuições dos membros voluntários do CRF-SP na área de fitoterapia foram destaque do seminárioContribuições dos membros voluntários do CRF-SP na área de fitoterapia foram destaque do seminárioCosméticos orgânicos, antroposofia, medicina chinesa e manipulação magistral de fitoterápicos foram os destaques

 

 
O sábado, 3 de outubro, foi marcado pela iniciativa da Comissão Assessora de Fitoterapia em promover o III Seminário de Fitoterapia “Novos desafios do farmacêutico nas práticas integrativas e complementares”, que aconteceu na sede do CRF-SP, na capital.

Plantas Medicinais e Fitoterápicos no SUS - 30/09/2009

Guaco é uma das únicas plantas medicinais atualmente financiadas com recursos da União e distribuídas em farmácias públicasGuaco é uma das únicas plantas medicinais atualmente financiadas com recursos da União e distribuídas em farmácias públicasGrupo de estudo do Ministério da Saúde dá início a trabalho que pretende aumentar oferta desses medicamentos na rede pública

  

Criado em dezembro do ano passado por meio da Portaria 2.960/08 do Ministério da Saúde, o Comitê Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos deu início esta semana aos trabalhos de avaliação e monitoramento do programa que pretende ampliar a oferta de fitoterápicos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Atualmente, apenas a espinheira-santa e o guaco são financiados com recursos da União, estados e municípios na assistência farmacêutica básica.