Covid-19

Farmacêuticos contra o novo coronavírus

 

Desde que os casos do novo coronavírus se alastraram pelo mundo, o CRF-SP prontamente passou a adotar ações a fim de fornecer ferramentas para auxiliar o farmacêutico no enfrentamento dessa pandemia. Foram disponibilizados materiais técnicos, publicações voltadas à população, efetuados esclarecimentos na imprensa, além de ações junto aos estabelecimentos farmacêuticos, autoridades sanitárias e entidades representativas da categoria e do setor.

Neste canal serão compiladas todas as ações realizadas, bem como, principais informações e normas publicadas que poderão ser acessadas nas abas acima.

 

Formulários

Comunique sobre o afastamento do farmacêutico de seu ambiente de trabalho por suspeita ou confirmação de covid-19

Comunique sobre a falta de Equipamentos de Proteção Individual

 

Dados do Brasil

Painel Corona Vírus - Ministério da Saúde (clique e acompanhe as atualizações)

 

Estado de São Paulo

Painel Governo do Estado de São Paulo (clique e acompanhe as atualizações)

 

Município de São Paulo 

Confira informações gerais

Confira o boletim epidemiológico do município e outros documentos técnicos 

 

Situação no mundo

Organização Mundial da Saúde/Organização Pan-Americana da Saúde (OMS/Opas)

Dashboard da Universidade Johns Hopkins com os gráficos de monitoramento de casos 

 

Principais notícias  

 

Confira as ações do CRF-SP em várias áreas durante o período de pandemia de covid-19

Anvisa esclarece dúvidas sobre Lei 14.028 e RDC 405/2020, relativas à validade de receitas durante pandemia

Ministério da Saúde determina obrigatoriedade de notificação de resultados de testes de diagnóstico de covid-19

Autorizado novo ensaio clínico de duas vacinas baseadas em ácido ribonucleico (RNA) para covid-19

Vice-presidente do CRF-SP alerta que não há alimento nem medicamento que previna a covid-19

CRF-SP pede retratação à médica por afirmações negativas à categoria farmacêutica

CRF-SP solicita a entidades farmacêuticas que evitem demissões durante pandemia

Anvisa adota novo fluxo para agilizar pedidos de estudos clínicos com medicamentos para prevenção e tratamento da covid-19

Sindicato dos Farmacêuticos no Estado de São Paulo lança formulários para mapear demissões

CRF-SP disponibiliza e-mail e formulário para comunicação de afastamento do trabalho por covid-19

Profissionais essenciais - Lei determina fornecimento de EPIs e prioridade na realização de testes de covid-19

CFF é convidado a debater prescrição e dispensação de receitas digitais na Casa Civil

CRF-SP emite nota técnica sobre o uso de ivermectina no tratamento de covid-19

Parecer do GTT em Educação Farmacêutica do CRF-SP sobre Práticas Laboratoriais e Estágios

Medidas para hospitais e serviços de saúde que prestam atendimento ambulatorial e pronto atendimento a casos suspeitos de covid-19

Levantamento aponta mais de 9 mil casos positivos em testes para Covid-19 em farmácias

Atualização durante a pandemia - Farmacêutico, conheça as ferramentas de atualização profissional do CRF-SP on-line

Acadêmicos de Farmácia, participem da pesquisa - Objetivo é avaliar os impactos da pandemia de coronavírus sobre a educação farmacêutica

Universidade de Liverpool disponibiliza site para consulta de interações medicamentosas

CRF-SP divulga nomes dos farmacêuticos sorteados para receberem protetor facial e álcool gel da live do dia 15 de junho

Acadêmicos de Farmácia, participem da pesquisa - Quais os aspectos positivos e negativos das aulas on-line durante a pandemia?Quais os aspectos positivos e negativos das aulas on-line durante a pandemia?

Farmacêutico, confira alguns itens obrigatórios para a realização dos testes de covid-19 nas farmácias 

CRF-SP divulga nomes dos farmacêuticos sorteados para receberem protetor facial e álcool gel da live do dia 11 de junho

São Paulo irá produzir vacina contra a covid-19 em parceria com laboratório chinês 

Sobrafo lança nota técnica sobre a atuação na pandemia de covid-19

CRF-SP divulga nomes dos farmacêuticos sorteados na live do dia 8 de junho para receberem protetor facial e álcool gel

CRF-SP divulga dados de farmacêuticos afastados por suspeita ou confirmação de covid-19

Anvisa alerta sobre aumento dos casos de intoxicação infantil por álcool gel 

CRF-SP divulga nomes dos farmacêuticos sorteados na live do dia 5 de junho para receberem protetor facial e álcool gel

Disponível em português versão do aplicativo da Academia da OMS para profissionais de saúde

Anvisa autoriza estudo clínico de potencial vacina contra covid-19

Ação conjunta entre laboratórios divulga resultados da avaliação de desempenho de kits de diagnóstico para Sars-CoV-2

91% dos casos recebidos pela Ouvidoria do CRF-SP foram regularizados

CRF-SP divulga nomes dos farmacêuticos sorteados para receberem protetor facial e álcool gel da live do dia 1° de junho

CRF-SP divulga nomes dos farmacêuticos sorteados para receberem protetor facial e álcool gel da live do dia 28 de maio

CRF-SP realiza uma série de lives com temas que envolvem mudanças e orientações para a profissão durante a pandemia

Anvisa publica norma temporária sobre risco de redução da oferta de medicamentos durante a pandemia

Confira orientações sobre o uso de máscaras de tecido pela população

Profissionais de saúde NÃO devem utilizar máscaras comuns de tecido

CRF-SP mostrou a importância do farmacêutico por mais de 60 vezes durante a pandemia

RDC facilita e agiliza produção e entrega de equipamento de suporte respiratório

Anvisa publica nova resolução sobre importação direta por unidades de saúde

Nota técnica do CRF-SP acerca de aulas do curso de graduação em Farmácia ministradas por meios digitais

CRF-SP emite nota sobre uso de cloroquina e outros medicamentos no tratamento de covid-19

Covid-19: esclarecimentos sobre desinfecção de pessoas

Farmacêutico, participe da pesquisa. Fale com o CRF-SP sobre suas dificuldades de atuação na pandemia

CRF-SP lança manual para o farmacêutico realizar testes rápidos de covid-19 em farmácias

Como proceder a isenção do seu veículo no rodízio municipal de São Paulo

Farmacêuticos e demais profissionais de saúde são fundamentais na pandemia, diz secretário

Vereadora Edir Sales mais uma vez apoia categoria farmacêutica. Desta vez, pela isenção do rodízio

Após imediata ação do CRF-SP, decreto municipal inclui farmacêuticos entre profissionais de saúde isentos do rodízio de veículos

Distribuição de EPIs é para farmacêuticos, que no momento da fiscalização, estiverem expostos a risco

CRF-SP solicita liberação de veículos de farmacêuticos em vias bloqueadas

Trabalho do farmacêutico é destacado por veículos de comunicação de todo o país

Farmacêutico é profissional apto a atuar na manipulação e fabricação do álcool gel 70%

Em formato de perguntas e respostas, material esclarece dúvidas sobre os testes rápidos para a covid-19

Levantamento mostra como o medo da Covid-19 impactou venda de medicamentos

Novo formulário agiliza comunicação sobre a falta de Equipamentos de Proteção Individual

CRF-SP disponibiliza formulário para comunicação de afastamento do trabalho por covid-19

Uso de máscaras agora é recomendado como forma de prevenir o contágio por covid-19. Saiba como higienizá-las

MP nº 936/20 não ampara funcionamento de farmácias sem assistência farmacêutica

Posicionamento do CRF-SP sobre antecipação de formatura de estudantes de Farmácia

Anvisa publica levantamento com perguntas e respostas mais frequentes relacionadas ao novo coronavírus

Manual on-line de orientação ao farmacêutico sobre a vacina contra a Influenza

Anvisa publica resolução que dispõe sobre autorização prévia de produtos farmacêuticos destinados ao combate da covid-19

Anvisa aprova uso de testes rápidos em farmácias para o novo coronavírus

CRF-SP oficia Ministério da Saúde sobre dificuldade dos estudantes para se cadastrar no programa

A importância do trabalho do CRF-SP em tempos de pandemia

CVE envia comunicado aos municípios sobre campanha de vacinação em farmácias privadas

Confira alerta sobre importância de boas práticas laboratoriais na realização de testes rápidos para diagnóstico de covid-19

Estudantes de Farmácia poderão ajudar no combate ao coronavírus

Ministério da Saúde publica documento sobre diagnóstico e tratamento para coronavírus

Graduação em Farmácia poderá ser abreviada, mas estudante tem que ter cumprido alguns componentes

CRF-SP disponibiliza ferramenta gratuita de prescrição eletrônica para farmacêuticos

Editores internacionais liberam conteúdos gratuitos durante pandemia

De forma emergencial, CRF-SP lança curso Cuidados farmacêuticos na imunização e administração de vacinas

Ministério da Saúde inscreve profissionais da saúde para combate à covid-19

Atenção aos novos prazos para pagamento de anuidades (pessoas física e jurídica)

Veja recomendações do CRF-SP sobre cuidados na dispensação de anti-hipertensivos e ibuprofeno

Perguntas e respostas sobre o programa "O Brasil Conta Comigo - Profissionais da Saúde"

Farmacêuticos poderão comunicar ausência no mesmo dia do afastamento da atividade

Farmacêuticos terão desconto de 10% em abastecimento nos Postos Ipiranga

Postergado prazo para renovação de licença sanitária que vencem de 1º/03 a 31/05

Informações importantes sobre os serviços do Atendimento Eletrônico do CRF-SP (e-CAT)

Redes de farmácia devem assegurar condições de segurança ao farmacêutico

Farmacêuticos fiscais estão disponíveis para sanar dúvidas técnicas e receber denúncias relacionadas com a covid-19 por meio remoto

Resolução estende quantidades máximas de medicamentos sujeitos a controle especial

 

 

 

 

 

 

 

De forma emergencial, CRF-SP lança curso Cuidados farmacêuticos na imunização e administração de vacinas

http://www.crfsp.org.br/noticias/11182-novo-curso-ead.html

Redes de farmácia devem assegurar condições de segurança ao farmacêutico

http://www.crfsp.org.br/noticias/11183-vitória-do-sinfar-sp.html

%MCEPASTEBIN%

 

Nada mais importante nesse momento de pandemia do que um profissional preparado para lidar com a situação. Para isso, o CRF-SP lançou, em 18 de fevereiro, a campanha “Farmacêuticos contra o novo coronavírus”, em que é possível acessar uma série de materiais orientativos para atuar com excelência na linha de frente. 
 
Os seguintes materiais podem ser acessados gratuitamente nesse espaço, além de estarem disponíveis na plataforma de ensino online do CRF-SP, a Academia Virtual de Farmácia.  
 
Vídeos
 
  • Testes rápidos de covid-19 em farmácias - Dr. Marcos Machado, presidente do CRF-SP, mostra o passo a passo para a realização de dois tipos de testes (Lavagem de mãos, paramentação, documentação do procedimento, forma de uso do teste, interpretação do resultado, entre outros).  

 

 

 

  • Cuidados na dispensação da Ivermectina - Dr. Marcos Machado, presidente do CRF-SP fala sobre a importância da atuação do farmacêutico na promoção do uso racional de medicamentos no tratamento da covid-19.

 

Lives no YouTube (crfspcanal)

 

 

Materiais técnicos 

 

Manual “Testes rápidos de covid-19 em farmácias” 

  • compreender e demonstrar o uso adequado dos testes rápidos;
  • conhecer a teoria da técnica de testes imunocromatográficos;
  • conhecer os aspectos pré-analíticos relevantes para a análise, incluindo a indicação e as limitações do teste e o processo de coleta de amostras;
  • apresentar destreza na utilização do teste, conhecer as limitações técnicas do sistema analítico e a solução dos problemas mais comuns;
  • conhecer e praticar a adequada conservação dos insumos;
  • atuar de acordo com os procedimentos definidos a partir dos resultados apresentados;
  • praticar a biossegurança e o controle de infecção e dar destinação correta aos resíduos;
  • registrar/notificar corretamente dados e resultados de forma a garantir a sua rastreabilidade.

 

Declaração de Serviço Farmacêutico – Teste rápido para covid-19

Manual de orientação ao farmacêutico – covid-19 - Histórico; transmissão; sinais e sintomas clínicos; casos suspeitos; notificação; diagnóstico; tratamento; prevenção; fake news; entre outros.

Manual de orientação

Ficha de atendimento farmacêutico – suspeita de covid-19 – Principais itens para a realização da anamnese do paciente com suspeita.

Ficha de atendimento

Manejo do paciente com suspeita de covid-19 – Passo a passo e possibilidades de atendimento ao se deparar com um paciente suspeito.

Manejo do paciente

 Capacitação   

 

 

 

 

 

%MCEPASTEBIN%

 

CRF-SP adota ações para farmacêuticos, população e colaboradores visando o enfrentamento da pandemia. Confira:  

 

Atuação da fiscalização  

O papel da fiscalização tem sido de suma importância para a garantia dos serviços farmacêuticos em observância das recomendações adotadas para o enfrentamento da covid-19. Exemplo disso foram as inúmeras denúncias recebidas relacionadas à falta de equipamentos de proteção individuais (EPIs) para que os farmacêuticos e demais membros da equipe façam seu trabalho com segurança, já que estão em contato direto com os pacientes.

Prontamente o CRF-SP entrou em contato com todas as empresas denunciadas e encaminhou ofício alertando sobre a necessidade da adoção de todas as cautelas para redução da transmissibilidade da covid-19, em consonância com o disposto no artigo 3º, § 7º do Decreto Federal nº 10.282/2020, que regulamenta a Lei nº. 13.979/2020.

Reunião com Abrafarma e representantes de redes de farmácias

Com o objetivo de debater sobre o impacto causado pela pandemia de coronavírus nas redes de farmácias no Estado de São Paulo, foi realizada uma reunião com a Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma) e representantes de algumas redes farmacêuticas.

Dentre os temas debatidos, ficou acordado que as empresas representadas se comprometem a ser fiéis a todas as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde e que darão publicidade a todos os colaboradores das medidas adotadas e compromissos assumidos.

O encontro foi produtivo, pois os representantes das redes presentes na reunião se comprometeram a priorizaram a disponibilização de equipamentos de proteção individual (EPIs) para os farmacêuticos e demais colaboradores, bem como realizar todos os esforços para efetuar a aquisição dos produtos.

Isso já está sendo observado na prática, pois em diversos estabelecimentos todos os colaborados estão utilizando as máscaras cirúrgicas, bem como, foi colocada uma delimitação de distância mínima de 1 metro entre profissionais e pacientes. 

Comunicado conjunto CRF-SP, SINFAR-SP E SINCOFARMA/SP

Pensando no farmacêutico que atua em estabelecimentos não pertencentes a redes de farmácias, o CRF-SP, o Sincofarma e o Sinfar emitiram nota conjunta, a título de recomendação, com fundamento no artigo 11, parágrafo único da Lei nº 13.021/2014, para a criação de planos de contingenciamento nos estabelecimentos de saúde.  

Campanha nas redes sociais 

As redes sociais são um campo fértil para a disseminação de notícias falsas e críticas infundadas sobre a atuação do farmacêutico e do próprio conselho da classe. Um exemplo lamentável é o relato de farmacêuticos que estão recebendo manifestações de hostilidades e até agressões físicas por conta do desabastecimento de álcool gel e máscaras nas farmácias. Por isso, o CRF-SP criou uma série de campanhas de rede sociais a fim de informar a população e valorizar o trabalho do farmacêutico no enfrentamento da pandemia. Em uma dessa ações disponibilizou um cartaz para os profissionais que desejarem imprimir e deixar à mostra em suas farmácias solicitando empatia.

Campanha “Farmacêuticos contra o novo coronavírus”

A ação oferece uma série de materiais orientativos, capacitação para farmacêuticos, informações técnicas, como proceder com casos suspeitos e folder para a população.  

CRF-SP passou a integrar a mesa técnica da Secretaria Municipal da Saúde de SP 

O CRF-SP solicitou e foi imediatamente incluído na mesa técnica para discussão e acompanhamento da evolução da pandemia do Covid-19 da Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo, criada pela Portaria 157/2020 SMS-G. Com Isso, a entidade passou a participar do debate juntamente com outros conselhos e órgãos de classes.

Outros

• Recomendações sobre uso de EPIs para farmacêuticos que fazem atendimento ao público

• Recomendações sobre uso de EPIs para farmacêuticos atuantes em ambiente laboratorial

• Posicionamento sobre antecipação da formatura dos cursos de Farmácia

• Formulários - para comunicado de afastamento por covid-19 e para comunicar falta de Equipamentos de Proteção Individual

• Ouvidoria - De 14 a 31 de março - 175 manifestações entre denúncias, reclamações, críticas, elogios e sugestões. Dessas, em 81% houve regularização dos problemas como aglomerações e falta de EPIs, propaganda indevida de medicamento/terapia, aumento de preços, recusa na prestação de serviços e produção irregular de álcool em gel.

• Novos prazos para pagamento de anuidade

• Entrevistas na imprensa – De fevereiro a maio foram realizadas 50 entrevistas / participações em veículos de imprensa sobre temas relacionados ao covid-19.

• Live no Youtube para a população sobre uso correto e seguro de medicamentos

Medidas administrativas

A fim de proteger a saúde seus colaboradores e também dos usuários de nossos serviços e considerando sua responsabilidade social, o CRF-SP suspendeu seu atendimento presencial na sede e seccionais, oferecendo ao seu público atendimento remoto e ampliando os serviços que podem ser realizados pelo e-cat e/ou e-mail.

Benefícios

• Parceria com posto Ipiranga para desconto de 10%


• Solicitação de inclusão do farmacêutico em ação Heróis da Saúde do Banco Itaú para desconto em produtos e serviços

 

 

 

 

 

 

 

%MCEPASTEBIN%

 

Pensando na importante orientação da população, os representantes do CRF-SP têm participado de diversas entrevistas na imprensa para orientar a população sobre uso de medicamentos, riscos do uso inadequado de álcool gel, importância do farmacêutico no enfrentamento da pandemia e muito mais. Confira algumas participações:

 

 

Tema: Realização de testes rápidos para covid-19 nas farmácias

 

14/05/20 - EPTV - Afiliada TV Globo (São Carlos e Araraquara) - Farmácia de Rio Claro desrespeita regra e permite levar kit de teste da Covid-19 para casa 

4/05/20 - Panorama Farmacêutico - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

3/05/20 - Site olhovivocan - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

3/05/20 - Snif Brasil - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

1/05/20 - TV Diário - Afiliada TV Globo - Mogi das Cruzes - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias 

1/05/20 - Rádio CBN Campinas - Conselho aprova testes rápidos nas farmácias

1/05/20 - Jornal A cidade - Barretos - Farmacêuticos serão treinados para a realização de testes de Covid-19 nas farmácias

30/04/20 - Rádio Jovem Pan - Pan News - Farmácias farão testes de Covid (entrevista a partir de 38´30´´)

30/04/20 - Portal R7 - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

30/04/20 - Diário do Grande ABC - Farmácias vão realizar testes rápidos para detectar covid-19 

30/04/20 - Tribuna de Jundiaí - Farmacêuticos recebem treinamento para a realização de testes de Covid-19

30/04/20 - Portal ND+ - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

30/04/20 - Rede Sergifar - Sergipe - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

30/04/20 - Redação Maricá - Rio de Janeiro - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

30/04/20 - Folha Regional - Farmacêuticos serão treinados para a realização de testes de Covid-19 nas farmácias

30/04/20 - Portal Hospitais Brasil - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

30/04/20 - Portal R7 - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

30/04/20 - Portal About Farma - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

30/04/20 - NDmais - Farmacêuticos serão treinados para a realização de testes de Covid-19 nas farmácias

30/04/20 - Rádio Verdes Pampas - Rio Grande do Sul - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

29/04/20 - Folha Cidade - Araraquara - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias 

29/04/20 - Rede Record - Balanço geral - Testes rápidos de covid-19 em farmácias 

29/04/20 - Guia da Farmácia - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias

29/04/20 - Folha Regional - Florida Paulista - Farmacêuticos serão treinados para testes de covid-19 nas farmácias 

29/04/20 - Rádio Jovem Pan - Pan News - Farmácias farão testes de Covid  (entrevista a partir de 38´30´´). 

28/04/20 - TV Vanguarda - São José dos Campos - Farmácias poderão fazer testes de covid-19

28/04/20 - SBT Brasil - Anvisa aprova realização de testes rápidos para o novo coronavírus

28/04/20 SBT Brasil - Testes rápidos em farmácias - CRF-SP é ouvido por reportagem do SBT Brasil sobre medida aprovada pela Anvisa 

17/03/20 - Rádio Jovem pan - Jornal da manhã - Vacinação nas farmácias

 

Tema: Uso racional de medicamentos / Riscos da automedicação

20/07/20 - TV Diário - Afiliada TV Globo - Mogi das Cruzes - Ministério da Saúde alerta que não há comprovação de que algum alimento trate Covid-19

16/07/20 - Portal Veja Saúde - Ivermectina: o que sabemos sobre seu uso contra o coronavírus

14/07/20 -  Rede Alesp - Assembleia Legislativa de SP - Pres. do Cons. Reg. de Farmácia de SP, Dr. Marcos Machado, fala sobre os riscos da automedicação 

13/06/20 - TV TEM Bauru - Entidade adverte para aumento na venda de vitaminas durante a pandemiaEntidade adverte para aumento na venda de vitaminas durante a pandemia

13/05/20 - Estadão - Podcast Na quarentena - Os perigos da automedicação em tempos de covid-19

12/05/20 - Rede Alesp - Assembleia Legislativa de SP - Luciana Canetto do Conselho Regional da Farmácia, fala sobre o aumento do consumo de medicamentos

 

9/05/20 - TV Sorocaba - Afiliada SBT Cresce a procura por antigripais e vitamina c 

7/05/20 - O Imparcial - Presidente Prudente - Automedicação cresce com o avançar da idade

6/05/20 - Rádio CBN São Paulo - Vendas de medicamentos supostamente associados ao tratamento de Covid-19 disparam

6/05/20 - Portal Panorama Farmacêutico - Consumo de remédios cresce na pandemia

6/05/20 - Rádio Mega FM - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia

5/05/20 - G1 / EPTV - Afiliada TV Globo Ribeirão Preto/ Franca - Compra de vitamina C em SP tem aumento de 198% no primeiro trimestre de 2020, diz Conselho

5/05/20 - TV Fronteira - Presidente Prudente - Uso racional de medicamentos

5/05/20 - Rádio Cruzeiro FM - Consumo de vitaminas aumenta em até 198% no Estado de SP durante a pandemia 

5/05/20 - Sintonia Vip - Consumo de vitaminas aumenta em até 198% no Estado de SP durante a pandemia  

5/05/20 - Pharma inovation - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia 

5/05/20 - Rádio CBN Campinas - Consumo de remédios cresce na pandemia

5/05/20 - Guia da Farmácia - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia 

5/05/20 - Região Noroeste.com - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia

5/05/20 - DL News - São José do Rio Preto - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia

4/05/20 - Rádio Jovem Pan - Pan news - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia (a partir de 43´16´´)

4/05/20 - Portal Panorama Farmacêutico - Presidente do Conselho Regional de Farmácia fala sobre os riscos da automedicação

4/05/20 - Site Bastidor político - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia no Estado de SP

4/05/20 - Primeira impressão - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia no Estado de SP 

3/05/20 - Jornal da Franca - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia

1/05/20 - TV Diário - Afiliada TV Globo - Mogi das Cruzes - Presidente do Conselho Regional de Farmácia fala sobre os riscos da automedicação

30/04/20 - Folha Santista - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia 

30/04/20 - Snif Brasil  - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia 

30/04/20 - Jornal da Região ABCD - Consumo de medicamentos e vitaminas aumenta em até 198% durante a pandemia 

 

 

 Outros temas relacionados

22/07/20 - Yahoo Notícias - Por que o álcool gel ficou tão grudento a partir da crise do coronavírus?

23/06/20 - Portal Uol - Ivermectina é usada há mais de 40 anos contra verme, parasita e até ácaro

2/06/20 - Podcast ABCFarma - Como as farmácias devem atuar durante a epidemia da covid-19 

12/05/20 - Portal Uol - Azitromicina tem ampla ação, mas uso frequente pode gerar resistência

20/04/20 - ICTQ - Coronavírus: CRF-SP faz levantamento sobre farmacêuticos infectados

6/04/20 - Rádio 2 - Conselho Regional de Farmácia de SP avalia como positivo o chamamento do Ministério da Saúde para registro de profissionais que possam ajudar no combate ao novo coronavírus

4/04/20 - TV Globo - Bem Estar/É de casa - Veja novas regras para retirar remédios

19/03/20 - TV Globo - Fantástico - Denúncia de profissionais vendendo suplementos para covid19

13/03/20 - TV Globo - SP2 - Uso de alcool gel - Coronavírus 

6/03/20 - O Globo - Alternativas ao uso de álcool gel

28/02/20 - Record News - JR News - Álcool gel funciona na prevenção do coronavírus?

28/02/20 - TV Cultura - Jornal da Cultura - Lançamento da campanha Farmacêuticos contra o Coronavírus

17/02/20 - Panorama Farmacêutico - Lançamento da campanha Farmacêuticos contra o Coronavírus

14/02/20 - Primeira edição - Lançamento da campanha Coronavírus

13/02/20 - A Tribuna (Santos) - Lançamento da campanha Coronavírus

 

 

Para informações à imprensa 

Departamento de Comunicação CRF-SP

(11) 3067 1494 / 1498 / 11 99963 8129

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

 

 

 

 

Funcionamento do CRF-SP

 

Como está o atendimento do CRF-SP nesse período?

O atendimento presencial está suspenso por tempo indeterminado na sede e seccionais do CRF-SP. No entanto, é possível ter acesso aos serviços remotos por meio dos canais:

Central de atendimento: (11) 3067 1450 / chat online (Das 9h30 às 15h30) ou Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Serviços online: https://ecat.crfsp.org.br

Academia Virtual de Farmácia: https://ecat.crfsp.org.br

Ouvidoria e Denúncias: https://www.participar.com.br/crfsp/users/sign_in

Orientação Farmacêutica: (11) 3067 1450 opção 7 / Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. / chat online no portal CRF-SP

Atendimento à imprensa: (11) 3067 1494 / 1498 / (11) 99979 9623 /  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Sede e seccionais:

Sede e Seccionais de Campinas, Piracicaba, Ribeirão Preto, Santo André, São José dos Campos e São José do Rio Preto: Atendimento remoto de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 15h30

Seccionais de Araçatuba, Araraquara, Bauru, Bragança Paulista, Fernandópolis, Franca, Guarulhos, Jundiaí, Marília, Osasco, Presidente Prudente, Santos, São João da Boa Vista, Sorocaba, Zona Leste da capital e Zona Sul da capital: Atendimento remoto às segundas, quartas e sextas-feiras das 9h30 às 15h30 (terças e quintas estas seccionais estarão fechadas)

Seccional de Mogi das Cruzes - fechada por tempo indeterminado

 

Programa "O Brasil Conta Comigo - Profissionais da Saúde" - Portaria do Ministério da Saúde nº 639/2020

Com base das principais dúvidas encaminhadas ao CRF-SP sobre a Portaria 639/2020 do Ministério da Saúde, o Setor de Orientação Farmacêutica do CRF-SP elaborou um informativo para responder os questionamentos, no formato "perguntas e respostas". Confira:

Dispõe sobre a ação estratégica "O Brasil Conta Comigo - Profissionais da Saúde", voltada à capacitação e ao cadastramento de profissionais da área de saúde, para o enfrentamento à pandemia do coronavírus (covid-19).

 

Cadastro dos profissionais de saúde:

Passo 1: Deve ser acessado o link https://registrarh-saude.dataprev.gov.br e preencher as informações solicitadas (CPF e e-mail).

Passo 2: O profissional receberá via e-mail informações para preenchimento de formulário eletrônico, segundo informado no portal do Ministério da Saúde e e-mail é enviado em até 24h após o preenchimento da informação de CPF e e-mail no link do passo 1.

Passo 3: Preenchimento do formulário eletrônico. 

O preenchimento desse formulário é composto por três partes: dados pessoais, cadastro profissional e ação para enfretamento à Covid-19. O preenchimento completo é obrigatório e essencial para contribuir nas ações de enfrentamento à pandemia. 

Dados pessoais e profissionais que permitem realizar a identificação e manter o contato direto com o profissional, possibilitando encaminhar atualizações de protocolos, videoaulas e links importantes para cada categoria profissional. Conhecer o perfil do profissional permite orientar as ações do Ministério da Saúde.

- Os dados pessoais solicitados são: nome completo, data de nascimento, Unidade Federativa de moradia, município de moradia, e-mail, número de celular e condição de saúde.

- No aspecto profissional são solicitadas informações sobre qual o conselho profissional que está vinculado, número de inscrição no conselho (é solicitado o conselho em que o profissional tem inscrição primária), Unidade Federativa do conselho profissional de inscrição primária, se possui especialização, qual a profissão e área de atuação, se está trabalhando na assistência à saúde, e se é aposentado.

Na etapa do formulário que se refere à “Ação para enfrentamento à covid-19”, o se está trabalhando na assistência à saúde profissional declara se deseja fazer parte das ações de enfrentamento à covid-19. O questionário ainda ajuda no mapeamento do quantitativo de profissionais que estão com suspeita ou foram contaminados pelo coronavírus. A atualização constante permite identificar o quantitativo de profissionais que estão atuando no enfrentamento à pandemia e os que estão afastados pela covid-19. Caso o profissional esteja impossibilitado de atualizar o cadastro, orienta-se que solicite alguém da sua confiança que faça a atualização.

Nessa etapa, os questionamentos realizados no formulário se referem a informações se o profissional está atuando no atendimento a pacientes acometidos com Covid-19, se faz uso habitual de equipamento de proteção individual, se é um caso suspeito de Covid-19 ou se já teve diagnóstico confirmado para covid-19. Há também questionamento se o profissional quer fazer parte da ação “O Brasil Conta Comigo – Profissionais da Saúde” para enfrentamento à covid-19.

Após concluir o cadastro, o Ministério da Saúde cruzará os dados dos formulários preenchidos pelos profissionais com as informações de cadastro enviadas pelo Conselho Federal de Farmácia, para confirmar se os profissionais realmente são farmacêuticos e estão habilitados pelo Conselho.

Passo 4: Participar da capacitação indicada ao término do preenchimento do cadastro. Capacitação a respeito de “Protocolos de Manejo Clínico do Coronavírus (covid-19)”. O acesso ao curso também é enviado por e-mail ao término do preenchimento do cadastro via formulário on-line.

Importante: em caso de qualquer alteração dos dados informados no formulário, este deve ser atualizado imediatamente. Para essa atualização, deve-se acessar o mesmo e-mail enviado para a realização do cadastro.

Perguntas frequentes:

 

1 – O link está sem acesso. O que fazer?

O farmacêutico deverá preencher o formulário eletrônico “Registra RH” – disponível em: https://registrarh-saude.dataprev.gov.br. Devido ao grande número de acessos, o link pode ficar temporariamente fora do ar, orientamos acessar novamente em outro momento (início da manhã ou final do dia).

 

2 – E para quem é formado, mas não tem cadastro ativo no CRF? Como proceder?

Segundo a Lei nº 3.820/60, “Art. 13. - Somente aos membros inscritos nos Conselhos Regionais de Farmácia será permitido o exercício de atividades profissionais farmacêuticas no País”. Sendo assim, o profissional graduado em Farmácia, mas que não está registrado no Conselho Regional de Farmácia, está impedido de exercer a profissão farmacêutica. Nesse caso, não deve se cadastrar no link disponibilizado pelo Ministério da Saúde.

 

3 – E quem não quiser participar, o que acontece?

De acordo com a Portaria MS nº 639/2020, o profissional da área de saúde deverá realizar o preenchimento dos formulários eletrônicos de cadastramento, participar da capacitação e manter as informações atualizadas. Esse procedimento é obrigatório para todos os profissionais. No ato do preenchimento do formulário o profissional irá indicar se quer ou não fazer parte da ação “O Brasil Conta Comigo – Profissionais da Saúde” para enfrentamento à covid-19. Nesse momento ainda não temos maiores detalhes sobre como será realizada eventual convocação dos farmacêuticos e quais procedimentos para justificativas de desinteresse de participação. Assim que houver mais informações a respeito, divulgaremos. Ressaltamos a importância de realizar o preenchimento dos formulários eletrônicos e participação na capacitação, conforme previsto na referida portaria.

 

4 – E para o farmacêutico que já atua na área de assistência em farmácias, como fica?

Nesse momento, a orientação é que todos acessem o link https://registrarh-saude.dataprev.gov.br, preencham os formulários eletrônicos e realizem a capacitação, independentemente da área de atuação e eventual vínculo profissional. No formulário há um questionamento se o profissional já está trabalhando na assistência à saúde, para indicar essa condição.

 

5 – E quem já é formado, somente possui a inscrição provisória e nunca atuou, qual o procedimento?

Se a inscrição do farmacêutico estiver ativa perante o CRF deverá ser realizado o cadastro com preenchimento dos formulários e participação na capacitação. Para informações sobre a situação da inscrição perante o CRF-SP, entrar em contato com o nosso Departamento de Atendimento (11) 3067 1450 – opção 9, Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou chat online via portal www.crfsp.org.br.

 

6 – E no caso de o profissional estar afastado, aguardando resultado de teste para Covid-19?

O profissional deverá acessar o link https://registrarh-saude.dataprev.gov.br, preencher os formulários eletrônicos e participar da capacitação. No formulário há questionamento para informar se o profissional é um caso suspeito de covid-19 ou se já teve diagnóstico confirmado para covid-19. Certamente, os profissionais infectados não poderão atuar durante o período de quarentena para se recuperarem da infecção. Contudo, posteriormente, após recuperados, estariam aptos a contribuir, se assim indicarem no preenchimento do formulário. Ressalta-se a importância de manter as informações cadastrais atualizadas.

 

7 – Quem ainda não conseguiu pagar a anuidade e possui débitos com o CRF, conseguirá se cadastrar?

O fato de haver débito perante o CRF-SP não é impeditivo para a atuação profissional. Sendo assim, este profissional está apto ao cadastro, preenchimento dos formulários e realização de capacitação, sem prejuízos de cobranças a serem realizadas por parte do CRF-SP.

 

8 – E no caso dos farmacêuticos de grupos de risco descritos pelo MS?

Nesse momento, a orientação é que todos acessem o link https://registrarh-saude.dataprev.gov.br e preencham os formulários eletrônicos. No formulário devem ser preenchidas a idade e condições de saúde do profisisonal

 

9 – O farmacêutico é obrigado a fazer o cadastro?

Sim, nesse momento, conforme a Portaria MS nº 639/2020, todos os profissionais de saúde devem se cadastrar, realizar o preenchimento dos formulários e concluir a capacitação que será enviada pelo Ministério da Saúde.

 

10 – E para o farmacêutico que já é empregado e atua (independentemente da área: magistério, análises clínicas etc) profissionalmente, como proceder junto à empresa?

Conforme a Portaria MS nº 639/2020, todos os profissionais de saúde devem se cadastrar, realizarem o preenchimento dos formulários e concluir a capacitação que será enviada pelo Ministério da Saúde. No preenchimento do cadastro via formulário on-line há questões a serem preenchidas sobre a atuação profissional. Nesse momento, não possuímos mais informações sobre os critérios que serão adotados para eventual convocação dos farmacêuticos.

 

Farmacêuticos contra o novo coronavírus

 

Como faço para ter acesso aos materiais para capacitação?

O CRF-SP lançou a campanha “Farmacêuticos contra o novo coronavírus”, em que é possível acessar uma série de materiais orientativos para atuar na linha de frente. Os materiais técnicos e voltados à população estão disponíveis gratuitamente no portal do CRF-SP no link ou na plataforma de ensino online do CRF-SP, a Academia Virtual de Farmácia ou acesse a área destinada a informações sobre o novo coronavírus neste portal.

Prescrição e dispensação

Quais são as novas regras para prescrição e dispensação de medicamentos sujeitos a controle especial pela Portaria SVS/MS nº 344/1998 na vigência da pandemia por COVID-19?

No dia 24/03/2020 foi publicada pela Anvisa a RDC nº 357/2020 que estende, temporariamente, as quantidades máximas de medicamentos sujeitos a controle especial permitidas em Notificações de Receita e Receitas de Controle Especial em virtude da Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII) relacionada ao novo Coronavírus (SARS-CoV-2).

No Anexo I da referida resolução, estão previstas as quantidade máximas de medicamento por prescrição, para cada um dos tipos de receituário ou de notificação de receita, válidas para os documentos emitidos a partir de 24/03/2020. A RDC nº 357/2020 alterou, em caráter temporário, somente a quantidade máxima de medicamento permitida por prescrição, sendo obrigatório o atendimento aos demais requisitos e procedimentos estabelecidos pela Portaria SVS nº 344/1998 e legislações relacionadas, como a validade dos receituários e notificações de receita e a obrigatoriedade do prescritor indicar a quantidade de medicamento prescrita ou o tempo de tratamento juntamente à posologia.

 

Tipo de Receituário

Quantidade máxima por prescrição

Notificação de Receita A

(NRA)

18 unidades (no caso de ampolas) ou quantidade de medicamento correspondente a, no máximo, 3 (três) meses de tratamento (no caso das demais formas farmacêuticas de apresentação)

Notificação de Receita B

(NRB)

18 unidades (no caso de ampolas) ou quantidade de medicamento correspondente a, no máximo, 6 (seis) meses de tratamento (no caso das demais formas farmacêuticas de apresentação)

Notificação de Receita B2

(NRB2)

Quantidade de medicamento correspondente a, no máximo, 3 (três) meses de tratamento, exceto para NRB2 contendo medicamento à base de sibutramina, que poderá conter a quantidade de medicamento correspondente a, no máximo, 6 (seis) meses de tratamento

Notificação de Receita Especial para Retinóides de Uso Sistêmico

(NRR)

18 unidades (no caso de ampolas) ou prescrição de quantidade de medicamento correspondente a, no máximo, 3 (três) meses de tratamento (no caso das demais formas farmacêuticas de apresentação)

Notificação de Receita Especial para Talidomida

(NRT)

Prescrição de quantidade de medicamento correspondente a, no máximo, 3 (três) meses de tratamento. Para mulheres em idade fértil, deve ser seguido o estabelecido na RDC nº 11, de 22 de março de 2011 (alterado pela RDC 387/2020)

Notificação de Receita da Lista C3 - Lenalidomida

(NRC3)

Prescrição de quantidade para 3 (três) ciclos de tratamento, nãop podendo ultrapassar o suficiente para 3 (três) meses de tratamento. Para mulheres com potencial de engravidar, deve ser seguido o estabelecido na RDC nº 191, de 11, de dezembro de 2017 (alterado pela RDC 387/2020).

Receita de Controle Especial

(RCE)

18 unidades (no caso de ampolas) ou prescrição de quantidade de medicamento correspondente a, no máximo, 6 (seis) meses de tratamento (no caso das demais formas farmacêuticas de apresentação). No caso de prescrição de substâncias ou medicamentos antiparkinsonianos e anticonvulsivantes, a quantidade ficará limitada a até 6 (seis) meses de tratamento.

 

Caso a quantidade definida pelo prescritor seja inferior ao previsto no Anexo I da RDC nº 357/2020, não cabe ao farmacêutico ou ao paciente optar por tempo de tratamento ou quantidade a ser dispensada divergente da prescrita.

Como proceder para dispensação de medicamentos que contenham substâncias sujeitas ao controle especial no caso de receituários emitidos antes da vigência da RDC nº 357/2020?

Como regra de transição, para receituários e notificações de receita emitidos antes de 24/03/2020, que estejam dentro de seu prazo de validade, e que ainda estejam em poder do paciente e não foram aviadas pelas farmácias, a RDC nº 357/2020 permite a dispensação de medicamento em quantidade superior à prescrita para no máximo mais 30 dias de tratamento, sem consulta prévia ao prescritor. No entanto, visando ao uso racional de medicamentos, orientamos que o prescritor seja consultado para prosseguir com a dispensação da quantidade adicional, especialmente em situações em que a receita ou notificação de receita não indicava a quantidade máxima preconizada anteriormente pela Portaria SVS/MS nº 344/1998.

A RDC nº 357/2020 tem validade de 6 (seis) meses, podendo ser renovada sucessivamente por iguais períodos ou não, enquanto reconhecida pelo Ministério da Saúde emergência de saúde pública relacionada ao SARS-CoV-2. Quando findado o prazo de sua vigência serão retomadas as quantidades máximas permitidas por Notificação de Receita e Receita de Controle Especial previstas na Portaria SVS/MS nº 344/1998 e legislações relacionadas.

Quais são as exigências para receitas emitidas em atendimentos médicos realizados na modalidade de Telemedicina?

O Ministério da Saúde publicou no dia 23/03/2020 a Portaria MS nº 467/2020, que dispõe sobre as ações de Telemedicina como medida de enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente da pandemia de Covid-19.

Embora a telemedicina tenha sido regulamentada pela Portaria nº 467/2020 do Ministério da Saúde (MS), o CRF-SP aguarda a publicação de notas técnicas pelo MS e Anvisa sobre alguns itens da referida norma.

Por enquanto, entendemos que a forma de se garantir a autenticidade das receitas emitidas de forma eletrônica mediante assinatura digital do prescritor é por meio do estabelecido na Medida Provisória nº 2.220-2/01, que instituiu a Infra-Estrutura de Chaves Públicas Brasileira - ICP-Brasil que visa garantir a autenticidade, a integridade e a validade jurídica de documentos em forma eletrônica, das aplicações de suporte e das aplicações habilitadas que utilizem certificados digitais.

Neste sentido a Anvisa publicou em 26/03 /2020 nota em seu portal sobre prescrição de medicamentos sob regime especial de controle: clique e acesse

Cumpridos estes requisitos, o medicamento poderá ser dispensado a partir de prescrições eletrônicas com assinatura digital desde que a farmácia ou drogaria disponha de recurso para consultar a veracidade do documento original eletrônico e que, no caso dos medicamentos sujeitos a controle especial pela Portaria SVS/MS nº 344/1998 e dos medicamentos antimicrobianos, realize a guarda das prescrições eletrônicas da seguinte forma:

- uma via no formato eletrônico, que pode ser obtida também por meio de download do documento, a qual será utilizada para a comprovação da saída do medicamento do estoque em eventuais fiscalizações e

- uma via no formato impresso para fins de consulta ao documento eletrônico, no qual será aposto carimbo ou registro preenchido com a identificação do comprador e fornecedor pela farmácia ou drogaria, além de anotado no verso a quantidade dispensada, assim como determina a legislação.

Ressaltamos que uma prescrição eletrônica não pode ser confundida com uma foto, fotocópia ou digitalização de uma prescrição física na qual consta a assinatura manual do prescritor. Este tipo de prescrição não pode ser aceito de acordo com as normas vigentes. 

O que mudou na legislação sanitária referente à prescrição e dispensação de Cloroquina, Hidroxicloroquina, Ivermectina e Nitazoxanida durante a pandemia do novo Coronavírus?

No dia 23/07/2020 foi publicada no Diário Oficial da União a Resolução da Diretoria Colegiada da ANVISA – RDC nº 405/20 que estabelece as medidas de controle para os medicamentos que contenham substâncias constantes do Anexo I desta Resolução, isoladas ou em associação, em virtude da Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII) relacionada ao novo Coronavírus (SARS-CoV-2).

Com esta publicação ficam revogadas as resoluções RDC nº 351/2020 posteriormente modificada pela RDC nº 354/2020, que incluiu a cloroquina e a hidroxicloroquina na lista C1 de medicamentos sujeitos a controle especial pela Portaria nº 344/1998 – bem como a RDC nº 372/20, que incluiu a nitazoxanida na Lista C1 de medicamentos sujeitos a controle especial.

Desta forma estas substâncias, a partir desta publicação, deixam de pertencer a Lista C1 da Portaria SVS/MS 344/98 e passam a terem seu controle de prescrição, dispensação e forma de escrituração definidos pelos novos critérios estabelecidos pela RDC nº 405/20.

De acordo com a RDC nº 405/20 as substâncias elencadas no Anexo I da norma: CLOROQUINA - HIDROXICLOROQUINA - IVERMECTINA e NITAZOXANIDA estão sujeitas a prescrição por profissional legalmente habilitado em receituário privativo do prescritor ou do estabelecimento de saúde, em duas vias, com retenção da 1ª via pela farmácia/drogaria.

No que diz respeito a escrituração dos medicamentos contendo as substâncias constantes no Anexo I da RDC nº 405/20 – estes ficam sujeitos aos procedimentos de escrituração no Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados (SNGPC), previstos pela RDC nº 22/2014.

Fica estabelecido na RDC nº 405/20 que a vigência desta Resolução cessará automaticamente a partir do reconhecimento pelo Ministério da Saúde de que não mais se configura a situação de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional declarada pela Portaria nº 188/GM/MS, em 3 de fevereiro de 2020.

Como deverá ser realizada a entrega em domicílio de medicamentos sujeitos a controle especial durante a pandemia de covid-19?

A RDC nº 357/2020 prevê ser permitida a entrega remota definida por programa público específico, bem como a entrega em domicílio de medicamentos sujeitos a controle especial realizada por estabelecimento dispensador, as quais devem ser realizadas por meio da retenção da Notificação de Receita ou da Receita de Controle Especial. Sendo assim, tanto o serviço público, quanto o serviço privado podem realizar a entrega em domicílio do paciente, desde que seguidos os seguintes critérios:

I – a farmácia e/ou drogaria deve prestar atenção farmacêutica, a qual pode ser realizada por meio remoto.

Nesse ponto, é importante garantir aos usuários meios para comunicação direta e imediata com o Farmacêutico Responsável Técnico, ou seu substituto, presente no estabelecimento. Junto ao medicamento deve ser entregue cartão, ou material impresso equivalente, com o nome do farmacêutico, telefone e endereço do estabelecimento, contendo recomendação ao usuário para que entre em contato com o farmacêutico em caso de dúvidas ou para receber orientações relativas ao uso do medicamento.

II - cabe ao estabelecimento dispensador realizar o controle e o monitoramento das dispensações de medicamentos entregues remotamente, que deverão ser registrados para cada paciente no Formulário de Registro de Entrega em Domicílio, conforme modelo constante no Anexo II da Resolução;

III - o estabelecimento dispensador deve inicialmente buscar a Notificação de Receita ou a Receita de Controle Especial no local onde se encontra o paciente e, somente após a conferência do farmacêutico da regularidade da prescrição, proceder à entrega do medicamento e coletar as informações e assinaturas necessárias, inclusive no Formulário de Registro de Entrega em Domicílio;

IV - os registros devem ficar disponíveis no estabelecimento dispensador para fins de acompanhamento do paciente e fiscalização.

Ressalta-se que se mantem a vedação de compra e a venda dos medicamentos sujeitos ao controle especial através da internet.

A RDC nº 357/2020 tem validade de 6 (seis) meses, podendo ser renovada sucessivamente por iguais períodos ou não, enquanto reconhecida pelo Ministério da Saúde emergência de saúde pública relacionada ao SARS-CoV-2. Ao término do prazo de vigência da norma, serão retomadas as quantidades máximas permitidas por Notificação de Receita e Receita de Controle Especial previstas até então em legislação, bem como vedação da entrega remota definida por programa público específico e da entrega em domicílio de medicamentos sujeitos a controle especial.


Quais as formas de álcool com manipulação e/ou comercialização autorizadas para farmácias e drogarias?

As farmácias e drogarias podem comercializar produtos a base de álcool que estejam enquadrados como medicamentos de notificação simplificada ou como cosméticos/produtos de higiene sob a forma de gel, conforme previsto na Instrução Normativa nº 09/2009. Produtos contendo álcool 70% e registrados como saneantes não podem ser comercializados nestes estabelecimentos, uma vez que as farmácias e drogarias não possuem essa previsão em seu licenciamento e as normas que tratam de produtos de comercialização permitida nas farmácias e drogarias não preveem essa possibilidade.

As fórmulas de Álcool Etílico 70% (p/p), Álcool Etílico 77% (v/v), Álcool Etílico Glicerinado 80%, Álcool Gel e Álcool Isopropílico Glicerinado 75% constam no Formulário Nacional da Farmacopéia Brasileira e podem ser preparados em farmácias de manipulação e compor o estoque mínimo do estabelecimento, conforme previsto na RDC nº 67/2007. Além disso, em virtude da emergência de saúde pública internacional relacionada ao novo coronavírus (SARS-CoV-2), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA publicou no dia 17/03/2020 a RDC nº 347/2020, com validade de 180 dias, que permite de forma temporária e emergencial a exposição ao público para venda de preparações antissépticas ou sanitizantes oficinais manipuladas nas farmácias magistrais.


Prestação de serviços

A empresa não está seguindo as recomendações do Ministério da Saúde e de outros órgãos oficiais para o enfrentamento da pandemia de covid-19, como a disponibilização de EPIs para funcionários. O que devo fazer?

No dia 17/03/2020 foi publicada no site do CRF-SP uma matéria com recomendações ao farmacêutico sobre o uso de EPIs durante a pandemia de COVID-19. A matéria pode ser acessada na íntegra por meio do link (clique para acessar).

Recomendamos ao farmacêutico que sejam elaboradas diretrizes sobre o uso de EPIs no estabelecimento ou serviço durante a vigência da pandemia de COVID-19, considerando o risco de contaminação por pacientes ou outros profissionais de saúde do estabelecimento e reforçamos que, conforme previsto na Lei 13.021/2014, o profissional farmacêutico possui autonomia técnica para tomada de decisão e é responsabilidade do estabelecimento fornecer condições adequadas ao desenvolvimento das atividades profissionais.

Esclarecemos ainda que o CRF-SP possui canal de Ouvidoria através do qual podem ser encaminhadas denúncias para apuração.

Posso interromper a prestação de serviços farmacêuticos no estabelecimento, como a aplicação de medicamentos injetáveis, como forma de prevenção da infecção pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2)?

Nos estabelecimentos que realizam a prestação de serviços farmacêuticos, como a aplicação de medicamentos injetáveis, considerando o risco de transmissão do novo coronavírus, recomendamos que seja avaliado junto com o gestor administrativo do estabelecimento os seguintes fatores para tomada de decisão sobre a continuidade da prestação dos serviços farmacêuticos: as condições da sala de prestação de serviços, como tamanho e ventilação; a existência de outros serviços de saúde próximos ao local para onde o paciente possa ser encaminhado; a disponibilidade de EPIs para uso da equipe da farmácia e do paciente; o medicamento a ser administrado, considerando a indicação e a condição clínica do paciente.

Recomendamos ainda que esta avaliação e decisão resultante sejam formalizadas sob a forma de diretrizes para prestação de serviços farmacêuticos no estabelecimento na vigência da pandemia de covid-19, e que sejam realizados treinamentos com a equipe baseados no documento elaborado.

Reforçamos que o profissional farmacêutico possui autonomia técnica para tomada de decisão no estabelecimento e que é responsabilidade do estabelecimento fornecer condições adequadas ao desenvolvimento das atividades profissionais, conforme previsto na Lei 13.021/2014.

Tratamento

Quais são os medicamentos indicados e contraindicados para pacientes infectados ou sob suspeita de infecção pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2)?

Apesar de publicação científica recente sugerir que pacientes em uso de medicamentos que aumentem a expressão de enzima conversora de angiotensina - como o ibuprofeno, os inibidores da ECA, os bloqueadores dos receptores de angiotensina II e as glitazonas - estão sob risco aumentado de desenvolver formas graves da covid-19, ainda não existem estudos clínicos conclusivos a respeito de eventuais tratamentos ou medicamentos contra-indicados para covid-19.

Por se tratar de um vírus respiratório emergente, identificado somente no ano de 2019, muitos estudos se encontram em fases preliminares e não podem ser utilizados para recomendar ou contra-indicar medicamentos para pacientes infectados. A Organização Mundial da Saúde voltou atrás, no dia 19/03/2020, em sua recomendação de evitar o uso de ibuprofeno em pacientes com  sintomas de covid-19, conforme noticiado pela Anvisa, no link (clique para acessar). 

Orientamos que os farmacêuticos acompanhem e sigam as orientações de órgãos oficiais, tais como o Ministério da Saúde, Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) e Organização Mundial da Saúde (OMS) na indicação e prescrição de MIPs, bem como na contra-indicação de medicamentos durante a pandemia pelo novo coronavírus. 

 

“Testes rápidos”

1 - Precisa ter pedido médico?

Não consta nas orientações da Anvisa e Ministério da Saúde recomendações para que haja pedido médico para realização dos “testes rápidos”. O farmacêutico deverá realizar uma entrevista com o paciente interessado na testagem, previamente à realização do teste, em consonância com a instrução de uso do teste e a sua respectiva janela imunológica, visando evidenciar a viabilidade da aplicação do teste específico disponível no estabelecimento ao paciente. Dependendo das informações coletadas, o teste pode ser desaconselhado, considerando as especificações do fabricante, devidamente informadas no momento do registro do teste na Anvisa. Nesse caso, o paciente deve ser orientado quanto ao correto momento de realizar o teste.

A informação apresentada nestes ensaios esclarece quanto ao estado imunológico no momento da coleta da amostra. Há um período de janela imunológica, que é o intervalo (não inferior a 7 dias do início da infecção) de tempo entre a infecção e a produção de anticorpos em níveis detectáveis por um teste que precisa ser considerado. Se a testagem ocorrer dentro do período de janela imunológica, o resultado do ensaio poderá ser negativo, mesmo quando a pessoa estiver contaminada (falso negativo). É importante, portanto, respeitar o intervalo entre os sintomas e a testagem, estar atento às informações das instruções de uso que trazem orientações específicas de cada produto a serem executadas e interpretadas pelo farmacêutico.

 

2 - Pode ir direto na farmácia?

Conforme esclarecido no questionamento 1, o paciente poderá se dirigir diretamente à farmácia que está disponibilizando os “testes rápidos” e indicar seu interesse na testagem para entrevista com o farmacêutico.

 

3 - Todas as farmácias são obrigadas a realizar o “teste rápido” para Covid-19?

Não. Fica a critério de cada estabelecimento a definição sobre a realização ou não dos testes. Para tanto, o farmacêutico deve avaliar se o estabelecimento possui todas as condições de boas práticas necessárias e previstas na RDC nº 377/2020 que regulamentou a possibilidade de as farmácias realizarem tais testes, bem como notas técnicas publicadas pela Anvisa sobre o tema.

 

4-  Em quanto tempo fica pronto?

Dentre os ensaios para anticorpos, estão os que utilizam a metodologia de imunocromatografia, conhecida popularmente como "teste rápido". Trata-se se um ensaio de simples execução que, geralmente, não requer a utilização de equipamentos e permite a visualização do resultado em poucos minutos (10 a 30 minutos em média, a depender de cada produto). 

 

5 - Como é realizado?

A forma de realização do teste deve seguir as orientações do fabricante, podendo variar de acordo com o teste utilizado por cada serviço de saúde. Sendo assim, o paciente deve procurar o farmacêutico da farmácia que disponibiliza o teste para entrevista e orientações sobre o teste utilizado.

 

6 - Quanto custa o teste?

O CRF-SP não possui informações de mercado sobre o valor dos diferentes testes disponibilizados pelos fabricantes, importadores e distribuidores. Sendo assim, faz-se necessário aguardar maiores detalhamentos sobre esse tema. 

 

7 - É o mesmo teste da rede pública realizado por drive thru?

Atualmente a Anvisa já registrou mais de 50 testes diferentes para diagnóstico do Covid-19, sendo que nem todos eles são testes rápidos. Dessa forma, há uma ampla diversidade de testes sendo disponibilizados no mercado e não temos como afirmar que os “testes rápidos” adquiridos pelo SUS sejam do mesmo fabricante da rede privada. Ressalta-se que a Anvisa descreve em nota técnica que a disponibilização dos “testes rápidos” para Covid-19 deve ser direcionada primariamente para as campanhas de saúde pública e que o estoque remanescente de testes poderá ser disponibilizado para venda e utilização em demais serviços de assistência à saúde privados.

 

8 - Quais os equipamentos de proteção individual (EPI) necessários ao farmacêutico e ao paciente para que os “testes rápidos” sejam realizados?

As farmácias que forem realizar os referidos “testes rápidos”, entre outros cuidados previstos na RDC nº 377/2020, devem estabelecer uma área privativa para realização de tais testes e disponibilizar ao paciente suspeito uma máscara cirúrgica e solução alcoólica 70% para higiene das mãos. O farmacêutico deverá utilizar os devidos EPI para a coleta das amostras dos pacientes, sendo estes: avental, óculos de proteção, touca, luvas descartáveis e máscaras cirúrgicas. Sem a utilização de tais EPI o teste não pode ser realizado, considerando os riscos ao paciente e ao profissional de saúde.

 

9 - É possível que o paciente adquira o “teste rápido” na farmácia e faça o teste em seu domicílio?

Não. Os “testes rápidos” para Covid-10 não são autotestes, sua utilização e interpretação dos resultados depende do profissional de saúde. Sendo assim, esses testes possuem registro na Anvisa para uso exclusivo por profissional de saúde. No caso da farmácia, o teste somente pode ser realizado pelo farmacêutico.

 

10 - Ao fazer o teste na farmácia o paciente irá levar um documento com o resultado do teste?

Sim. É obrigatório que o farmacêutico faça o registro do serviço e entregue ao paciente uma via da Declaração de Serviço Farmacêutico. Esse registro fica também arquivado na farmácia como comprovante de que a aplicação do teste ocorreu em consonância com a sua instrução de uso e a respectiva janela imunológica. A Declaração de Serviço Farmacêutico pode ser fornecida ao paciente em meio físico ou digital e assinado pelo farmacêutico, com o resultado do teste e com as orientações ao paciente, conforme diretrizes ao Ministério da Saúde.

 

%MCEPASTEBIN%

 

Âmbito Federal

 

Clique e confira as normativas publicadas pela Anvisa - Agência Nacional de Vigilância SanitáriaAnvisa 

 

Clique e confira as normativas publicadas pelo Governo Federal

 

Âmbito estadual 

 

 Clique e confira as normativas do Governo do Estado de São Paulo 

 

Clique e confira as normativas do Conselho Federal de Farmácia 

 

Confira as normativas do Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo 

 

PortariaDescriçãoAnexo
Portaria nº 24, de 29 de junho de 2020 Dispõe acerca da prorrogação da suspensão de prazos administrativos no âmbito deste CRF-SP em virtude das medidas de enfrentamento da pandemia do Novo Coronavírus (COVID-19). acesse
Portaria nº 23, de 19 de junho de 2020
Dispõe acerca da prorrogação da suspensão de prazos administrativos no âmbito deste CRF-SP em virtude das medidas de enfrentamento da pandemia do Novo Coronavírus (COVID-19). acesse
Portaria nº 22, de 19 de junho de 2020 Aprova a renovação da inscrição provisória enquanto durar a quarentena no Estado de São Paulo, decorrente da pandemia de COVID-19. acesse
Portaria nº 21, de 19 de junho de 2020

Resolve que as solicitações de serviço de competência do CRF-SP serão preferencialmente por meio remoto.

Revoga a Portaria nº 14/2020

acesse
Portaria n° 18, de 3 de junho de 2020 Dispõe acerca da prorrogação da suspensão de prazos administrativos no âmbito deste CRF-SP em virtude das medidas de enfrentamento da pandemia do Novo Coronavírus (COVID-19) acesse
Portaria nº 17, de 24 de abril de 2020  Dispõe acerca da prorrogação da suspensão de prazos administrativos no âmbito deste CRF-SP em virtude das medidas de enfretamento da pandemia do Novo Coronavírus (COVID-19) acesse
Portaria nº 16, de 24 de abril de 2020 Dispõe acerca da prorrogação da suspensão de prazos administrativos no âmbito deste CRF-SP em virtude das medidas de enfrentamento da pandemia do Novo Coronavírus (COVID-19). acesse
Portaria nº 15, de 26 de março de 2020 Dispõe acerca da suspensão de prazos administrativos no âmbito do CRF-SP, em virtude  das medidas de enfrentamento da pandemia do Novo Coronavírus (COVID-19). acesse
Portaria nº 14, de 26 de março de 2020  Resolve que as solicitações de serviço de competência do CRF-SP serão exclusivamente por meio remoto  acesse
Portaria nº 13, de 23 de março de 2020  Dispõe sobre as medidas emergencias devido à Crise de Calamidade Pública ocorrida com a Pandemia do Coronavírus (COVID-19). acesse

 

 

 

 

 

Para manter o farmacêtico atualizado, o CRF-SP também divulga informes técnicos do CRF-SP e de outras entidades/órgãos da área da saúde do Brasil e de outros países. Confira:

 

Informes técnicos do CRF-SP 

 

2/07/20 -  CRF-SP emite nota técnica sobre o uso de ivermectina no tratamento de covid-19 

30/06/20 - Parecer do GTT em Educação Farmacêutica do CRF-SP sobre Práticas Laboratoriais e Estágios

18/05/20 - Nota técnica do CRF-SP acerca de aulas do curso de graduação em Farmácia ministradas por meios digitais

18/05/20 - CRF-SP emite nota sobre uso de cloroquina e outros medicamentos no tratamento de covid-19

29/04/20 – Prescrição Eletrônica 

03/04/20 - Recomendações do CRF-SP sobre cuidados na dispensação de anti-hipertensivos e ibuprofeno 

27/03/20 - Regras Temporárias para medicamentos sujeitos ao controle especial 

24/03/20 - Recomendações sobre uso de EPIs para farmacêuticos atuantes em ambiente laboratorial 

17/03/20 – Uso de EPIs e outras providências 

17/03/20 - Posicionamento do CRF-SP sobre antecipação de formatura de estudantes de Farmácia

29/01/20 - Informe técnico sobre o novo coronavírus

 

Confira os documentos técnicos elaborados pelo município de São Paulo, estado de São Paulo, Ministério da Saúde e Anvisa

 

Informes técnicos de outras entidades/órgãos

 

06/08/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe Diário de Evidências | Covid-19 n°88

06/08/20 - Ministério da Saúde (MS)Saúde e economia: uma convergência necessária para enfrentar a doença por coronavírus (COVID-19) e retomar o caminho para o desenvolvimento sustentável

05/08/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) - NOTA TÉCNICA Nº 64/2020/SEI/GHCOS/DIRE3/ANVISA - Uso de luz ultravioleta (UV) para desinfecção de ambientes públicos e hospitalares.

05/08/20 - Organização Pan-americana de Saúde (OPAS) - OPAS adverte contra uso de produtos à base de cloro como tratamento para COVID-19

05/08/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe Diário de Evidências | Covid-19 n°87

04/08/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe Diário de Evidências | Covid-19 n°86

3/08/20 - Fundação Oswaldo Cruz - (Fiocruz) - Lançado novo boletim do Observatório Covid-19

03/08/20 - Ministério da Saúde (MS) -  24º edição do Boletim Epidemiológico Especial

1,2,3/08/20 - Ministério da Saúde (MS)Informe Diário de Evidências | Covid-19 n°85

31/07/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe Diário de Evidências | Covid-19 n°84

31/07/20 - Sociedade Brasileira de Análises Clínicas (SBAC) - Acurácia dos testes diagnósticos registrados na ANVISA para a COVID-19

30/07/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe Diário de Evidências | Covid-19 n°83

29/07/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe Diário de Evidências | Covid-19 n°82

28/07/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe Diário de Evidências | Covid-19 n°81

24/07/20 - Fundação Oswaldo Cruz - (Fiocruz)Manual apresenta recomendações de biossegurança para reabertura de escolas no contexto da Covid-19

23/07/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe Diário de Evidências | Covid-19 n°77

23/07/20 - Fundação Oswaldo Cruz - (Fiocruz)MonitoraCovid-19: nota técnica alerta para riscos na volta às aulas

22/07/20 - Organização Pan-americana de Saúde (OPAS)Iniciativa COVID-19 Law Lab reúne documentos legais de 190 países para apoiar resposta global à COVID-19

20/07/20 - Fundação Oswaldo Cruz - (Fiocruz)Fiocruz lança Boletim do Observatório Fiocruz Covid-19

17/07/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe diário de evidências | Covid-19 n° 74 

17/07/20 Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI)Informe n°16 da Sociedade Brasileira de Infectologia sobre Atualização sobre a Hidroxicloroquina no tratamento precoce da covid-19 

15/07/20 - Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia (SBPT)Diretrizes para o tratamento farmacológico da COVID-19. Consenso da Associação de Medicina Intensiva Brasileira, da Sociedade Brasileira de Infectologia e da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia

14/07/20 - Ministério da Saúde (MS) - Informe diário de evidências - covid-19 

14/07/20 - International Pharmaceutical Federation (FIP)COVID-19: Clinical Information and Treatment Guidelines 

14/07/20 - International Pharmaceutical Federation (FIP)COVID-19: Guidelines for pharmacists and the pharmacy workforce 

14/07/20 - International Pharmaceutical Federation (FIP)COVID-19: Frequently asked questions and myth busting

14/07/20 - Organização Pan-americana de Saúde (OPAS)CONASS, Escolas de Saúde Pública e OPAS disponibilizam cursos virtuais sobre COVID-19 para gestores e profissionais de 19 estados

10/07/20 - Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) - Recomendações para os pacientes pediátricos com doença inflamatória intestinal durante a pandemia da COVID-19

10/07/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Nota de esclarecimento sobre a ivermectina

9/07/20 - Organização Pan-americana de Saúde (OPAS)Transmissão do SARS-CoV-2: implicações para as precauções de prevenção de infecção. Resumo científico.

7/07/20 - Associação de Medicina Intensiva Brasileira (Amib)Analgesia e sedação em covid 

6/07/20 - Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa) - Nota Técnica • 04/DVE/2020 - Biossegurança no atendimento de pacientes com suspeita de infecção por novo Coronavírus (SARS-CoV2) nos estabelecimentos assistenciais de saúde

3/07/20 - Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SEDPcD) - SEDPcD lança cartilhas sobre prevenção à COVID-19 e violência doméstica

Junho/20 - Associação de Medicina Intensiva Brasileira (Amib) - Considerações referentes ao contingenciamento de recursos humanos em terapia intensiva durante pandemia por covid-19

30/06/20 - Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) - Informe da Sociedade Brasileira de Infectologia sobre o Novo Coronavírus nº 15: uso de medicamentos para covid-19 

29/06/20 - Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia (SBPT) - Posicionamento da SBPT acerca da profilaxia e tratamento da COVID-19 

25/06/20 - Fundação Oswaldo Cruz - (Fiocruz)Artigo analisa os impactos da Covid-19 na saúde mental

25/06/20 - Governo do Estado de São Paulo - Nota Técnica 03 01-04-2020 Manejo do Ciclo Gravídico Puerperal e Lactação – Covid 19

23/06/20 - Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa)Nota Técnica 07/DVE/Covisa - Surtos de Síndrome gripal em instituições de longa permanência para idosos 

22/06/20 - Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FM-USP) - USP: Site do Hospital das Clínicas mostra tecnologias usadas no combate à COVID-19

22/06/20 - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) - Covid-19: Agência FAPESP publica boletim semanal de notícias 

20/06/20 - Centro de Vigilância Sanitária (CNS) - Nota Técnica Covid-19 CVS/CVE 01/2020 - Medidas de Prevenção e Controle de Infecção a Serem Adotadas na Assistência à Saúde Relacionadas à Covid-19

19/06/20 - Ministério da Saúde (MS)Ministério da Saúde publica orientações para retomada segura das atividades

18/06/20 - Associação Médica Brasileira (AMIB) - Nota de esclarecimento AMIB sobre o uso de Cloroquina e Hidroxicloroquina em crianças e adolescentes com COVID-19

18/06/20 - Fundação Oswaldo Cruz - (Fiocruz)Covid-19 e Síndrome de Down: médica geneticista esclarece dúvidas

18/06/20 - Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia (SBPT) - Comunicado da SBPT sobre o uso de dexametasona no tratamento da COVID-19

17/06/20 - Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM)Comunicado da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) sobre os riscos do uso indiscriminado e da automedicação com Dexametasona

17/06/20 - Ministério da Saúde (MS) - Ministério da Saúde lança orientações para padronização do atendimento à Covid-19

17/06/20 - Ministério da Saúde (MS)Ministério da Saúde amplia orientações para uso da cloroquina

17/06/20 - Governo do Estado de São PauloCOVID-19: Fapesp cria repositório com dados de 75 mil pacientes para subsidiar estudos

17/06/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Anvisa atualiza lista para autorização de exportação

16/06/20 - Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar e Serviços de Saúde (Sbrafh) - Levantamento nacional sobre o abastecimento de medicamentos e produtos para a saúde durante o enfrentamento da pandemia pela Covid-19 (Anexo do Ofício nº 037/2020, enviado ao Ministro da Saúde em 15/06/2020)

16/06/20 - Organização Pan-americana de Saúde (OPAS)OMS recebe com satisfação resultados preliminares sobre uso de dexametasona no tratamento de pacientes com COVID-19 em estado crítico

16/06/20 - Informe da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) sobre o novo coronavírus nº 14: Dexametasona no tratamento da covid-19

16/06/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Ensaios clínicos: publicada Nota Técnica 22/2020

12/06/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Produtos controlados: mudança no envio de autorizações

10/06/20 - Sociedade Brasileira de Farmacêuticos em Oncologia (Sobrafo)Assistência Farmacêutica em Oncologia frente à Pandemia de Covid-19

9/06/20 - Organização Pan-americana de Saúde (OPAS) - OPAS disponibiliza em português novo guia da OMS sobre máscaras cirúrgicas e de tecido

9/06/20 - Agência Nacional de Saúde Suplementar  (ANS)Nota Técnica ANS nº 10/2020 – ANS restabelece prazos máximos de atendimento da RN nº 259

6/06/20 - Associação de Medicina Intensiva Brasileira - (Amib) -  Orientações sobre o manuseio do paciente com pneumonia e insuficiência respiratória devido a infecção pelo Coronavírus (SARS-CoV-2)

4/06/20 - Conselho Nacional de Saúde (CNS)Brasil tem mais de 370 pesquisas científicas sendo realizadas para tratar e combater a Covid-19

2/06/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Farmácias e drogarias podem vender máscaras de tecido

1/06/20 - Organização Pan americana de Saúde (Opas) - Versão em português do aplicativo da Academia da OMS para profissionais de saúde já está disponível

Maio/20 - Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos (Sindusfarma)Cartilha “Preparação dos locais de trabalho para o novo contexto laboral com a Covid-19”

29/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Resolução aborda desabastecimento de medicamentos

29/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) -Hospitais de campanha: veja orientações complementares 

28/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Medicamentos e insumos: exceções diante da Covid-19 Medicamentos e insumos: exceções diante da Covid-19 

26/05/20 - Fundação Oswaldo Cruz - (Fiocruz) - Covid-19 e saúde mental: cartilha aborda prevenção do suicídio

22/05/20 - Conselho Nacional de Saúde (CNS) - Covid-19: CNS recomenda divulgação de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (Pics) na assistência ao tratamento

21/05/20 - Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar e Serviços de Saúde (Sbrafh) - Plano de contingência em diversos cenários farmacêuticos no âmbito da pandemia por covid-19lano de contingência em diversos cenários farmacêuticos no âmbito da pandemia por covid-19

21/05/20 - Fundação Oswaldo Cruz - (Fiocruz)Fiocruz lança cartilhas para orientar profissionais de saúde

21/05/20 - Organização Pan-americana de Saúde - (OPAS/Brasil) - OPAS compartilha com Brasil estudo de pesquisadores da Espanha sobre manifestações do novo coronavírus na pele

21/05/20 - Conselho Nacional de Saúde (CNS) - NOTA PÚBLICA: CNS alerta sobre os riscos do uso da Cloroquina e Hidroxicloroquina no tratamento da Covid-19

20/05/20 - Ministério da Saúde (MS) - Ministério da Saúde divulga diretrizes para tratamento medicamentoso de pacientes

20/05/20 - Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes)Coronavírus e Saúde: confira as publicações da ABES com as recomendações para o enfrentamento da pandemia

19/05/20 - Ministério da Saúde - Profissionais do SUS já podem contar com suporte psicológico

19/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Atualizadas medidas para aeroportos e aeronaves

18/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Anvisa orienta sobre rota de transporte de medicamentos

18/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Crescem casos de intoxicação infantil por álcool gel

18/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Confira regras para equipamento de suporte respiratório  

18/5/20 - Associação de Medicina Intesiva Brasileira - (Amib) - Diretrizes para o Tratamento Farmacológico da COVID-19. Consenso da Associação de Medicina Intensiva Brasileira, da Sociedade Brasileira de Infectologia e da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia  

15/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Ventiladores pulmonares: confira nota informativa

15/05/20 - Comissão Intergestores Bipartite do Estado de São Paulo (CIB/SP)Orientações quanto ao fluxo de programação, distribuição e monitoramento da utilização de cloroquina e hidroxicloroquina para tratamento de Covid-19

13/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Covid-19: esclarecimentos sobre desinfecção de pessoas

13/05/20 - Associação de Medicina Intensiva Brasileira (Amib)Recomendações para o cuidado farmacêutico ao paciente crítico com covid-19

13/05/20 - Sociedade Brasileira de Análises Clínicas (Sbac)Divulgados primeiros resultados do programa de validação de testes rápidos

13/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Aprovada mudança na avaliação sanitária de embarcações

12/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Respirador particulado apresenta falha na filtragem

12/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Rede para diagnóstico de Covid-19 é ampliada

12/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Divulgado informe sobre monitoramento de testes

12/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) Aprovados itens para lista de autorização de exportação

12/05/20 - Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar e Serviços de Saúde (Sbrafh) Recomendações para o Cuidado Farmacêutico ao paciente crítico com COVID-19

12/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Covid-19: abastecimento de fórmulas infantis e enterais

12/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Covid-19: tudo sobre máscaras faciais de proteção

11/05/20 - Sociedade Brasileira de Análises Clínicas (Sbac) O que os testes de anticorpos COVID-19 podem e não podem nos dizer

8/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) - Nota técnica esclarece sobre reuso de EPIs

8/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) - Covid-19: saiba como notificar problemas com testes 

7/05/20 - Sociedade Brasileira de Farmacêuticos em Oncologia (Sobrafo)Sobrafo alerta sobre uso de máscara cirúrgica e protetor respiratório

6/05/20 - Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)Anvisa orienta sobre climatização em pontos de entrada

6/05/20 - Ministério da Saúde - Programa Diagnosticar para Cuidar prevê ações de testagem em 2020

30/04/20 - Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e Sociedade Brasileira de Cardiologia - Nota conjunta sobre o uso de inibidores da SGLT2 e o risco de cetose e cetoacidose 

27/04/20 - American Society of Health-System Pharmacists (Sociedade Americana de Farmacêuticos do Sistema de Saúde)  - Avaliações sobre evidências para tratamentos relacionados à covid-19 

27/04/20 - Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI): Informe técnico sobre o novo coronavírus: Recomendações sobre tratamento farmacológico para covid-1 

Abril - Instituto para Práticas Seguras no Uso de Medicamentos (IPSM) - Tratamentos potenciais para covid-19: promoção do uso seguro durante a pandemia