Para pacientes de 0 a 17 anos

São Paulo, 6 de maio de 2019

Três novos medicamentos passaram a integrar a lista do Sistema Único de Saúde (SUS) no tratamento para evitar a rejeição de fígado transplantado em crianças e adolescentes de 0 a 17 anos.

De acordo com o Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas (PCDT), que orienta sobre os cuidados relacionados ao transplante hepático pediátrico, os medicamentos a serem integrados são os imunopressores basiliximabe, everolimo e timoglobulina.

Além dos três novos medicamentos com autorização de prescrição, o SUS disponibiliza outros nove medicamentos: azatioprina, ciclosporina, metilprednisolona, micofenolato de mofetila, micofenolato de sódio, prednisolona, prednisona, sirolimo e o tracolimo.

 

Departamento de Comunicação CRF-SP (Fonte: Agência Brasil)

CLIQUE AQUI PARA CONSULTAR OUTRAS NOTÍCIAS